'Juntos e Shallow now': versão de Paula Fernandes gera memes

A adaptação brasileira da música interpretada por Lady Gaga, está sendo gravada pela sertaneja e por Luan Santana

BOMBOU NA WEB Reprodução 'Juntos e Shallow now': versão de Paula Fernandes gera memes

Extra
18/05/2019 07:20 atualizado em 18/05/2019 10:09

Paula Fernandes acordou com uma enxurrada de menções, marcações, brincadeiras e críticas após ter anunciado uma versão brasileira da música "Shallow", no início da semana. O assunto foi um dos mais comentados do Twitter nesta sexta-feira. 

A adaptação brasileira da música interpretada por Lady Gaga, que está sendo gravada pela sertaneja e por Luan Santana, não agradou e gerou memes. Para muitos, manter trechos em inglês e português na letra não foi um acerto dos cantores.

Em entrevista ao EXTRA, a mineira conta que não se incomodou. "Acordei com todos esses memes e confesso que estou me divertindo demais (risos)".

"Diga o que te fez sentir saudade/ Bote um ponto final / Cole de uma vez nossas metades / Juntos e shallow now", diz a letra. Às críticas à adaptação, Paula tem uma resposta: se para os internautas era importante "shallow"(em tradução livre "raso, superfície") corresponder ao título e à referência principal da música, para a cantora isso não era uma exigência:

"Fiz uma versão adaptada, não uma tradução... E, assim como usamos tantos termos aqui como “Baby” e outros, "Shallow é comum". A ideia de manter a expressão é ter uma parte da música original. Não era pra fazer sentido, era para ter uma celebração da versão original.

A artista brasileira reforça que enviou a letra da música para Lady Gaga e teve total aprovação para regravar no seu estilo. A nova canção será lançada no próximo domingo (19) em todas as plataformas digitais:

Como nasceu a canção

Lady Gaga arrebatou os corações apaixonados (e o Oscar, o Grammy, o Globo de ouro) ao criar “Shallow”, música-tema do filme “Nasce uma estrela” no fim de 2018. Paula Fernandes,neste mês, anunciou quefoi autorizada pela diva norte-americana a fazer uma versão brasileira da música, que por aqui já tem nome definido e vai se chamar “Juntos”.

— Mandamos uma guia voz e violão, e Gaga aprovou toda a letra, sem mudar uma vírgula. Isso não tem preço, estou até emocionada. Sei que vão fazer comparações, mas nada se equivale àquela obra-prima. E nem é minha intenção. Cada artista é único — afirma Paula, que sempre foi fã da intérprete de Ally no longa: — Lady Gaga é uma artista que se supera o tempo todo e passa uma verdade muito grande

Instagram @correioma