Cidade CIDADE

Energia solar é foco da primeira etapa do 1° Circuito ACII de Negócios

Nos dias 15, 16 e 17 de outubro, a programação do evento será voltada para exposição de empresas do setor

13/10/2021 14h18 Atualizada há 1 semana
38
Por: Hyana Reis Fonte: Assessoria
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Diversas empresas do ramo de energia solar estarão com ofertas imperdíveis na primeira etapa do Circuito ACII de Negócios. É um momento único para os interessados aproveitarem as facilidades de financiamento que as empresas expositoras irão oferecer. 

A exposição ocorre nos dias 15, 16 e 17 de outubro e contará com a presença de mais de dez empresas. A Ilumisol, DVM Solar; Ecopower; MA Energia Solar; Sol Ardente, Aysar; Alfa Energia Solar; Havant; Emanuel Energia Sustentável; Lógica Energia Solar; Eletrica com Solar e Solar Engenharia já são presenças confirmadas no circuito.

“Vamos dar esse espaço específico para a energia solar, pois Imperatriz está no cenário nacional de energia de placa, tanto em produção quanto em vendas. E este é um setor que deve tomar o cenário de produção de energia nos próximos anos”, explicou Edmar Nabarro, presidente da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz (ACII).

Exposição multissetorial - Além das empresas do setor de energia solar, empreendimentos de diversos segmentos também farão parte do Circuito ACII de Negócios. Nos dias 19 e 20 a programação contará com o circuito de profissões para escolas e agentes de integração de estágio; e 22, 23 e 24 de outubro será dedicado às apresentações de produtos e serviços de empresas multissetoriais de saúde e estética.

1º Circuito ACII de Negócios - Com o slogan “Conectar ideias, promover oportunidades", o evento é uma realização da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz (ACII), em conjunto com o Conselho de Jovens Empresários (Conjove) e o Conselho da Mulher Empresária (CME). 

Acontece com o oferecimento do Governo do Estado, pela Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Energia (Seinc) e pela Secretaria de Turismo (Setur); da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap – Porto de Itaqui); da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema); da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Maranhão (Fecomércio); do Banco do Nordeste e Governo Federal; do Banco do Brasil; da Gocil Segurança e Serviços; da Universidade Ceuma; da Suzano Papel e Celulose; da Ilumisol Energia Solar; da Companhia de Gás Maranhense (Gasmar); da Unimed; conta ainda com o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae); do Imperial Shopping; da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB); e da Federação das Associações Empresariais do Maranhão (FAEM).