Geral GERAL

Programa Colmeias amplia produção de mel e fortalece a cadeia apícola nos estados do Maranhão, Pará e Tocantins

O programa, desenvolvido em parceria com a Suzano, vem aprimorando regionalmente a cadeia de valor da apicultura com o aumento da produção e criação de novos pontos de apiários em áreas da companhia

19/11/2021 10h43
44
Por: Hyana Reis Fonte: Assessoria
Divulgação: Assessoria
Divulgação: Assessoria

A Suzano, por meio do programa Colmeias, vem incentivando o fortalecimento da apicultura e o crescimento da cadeia apícola nos estados do Maranhão, Pará e Tocantins. Com o acréscimo de novos apicultores, o programa vem aprimorando a cadeia de valor da apicultura, contribuindo para o crescimento econômico sustentável nas regiões de produção de mel. 

Os eixos de atuação incluem desde organização e gestão, assistência técnica e tecnológica à comercialização e mercado. Com a ampliação da equipe técnica e de gestão, os produtores rurais recebem capacitação de profissionais que apoiam o apicultor diretamente no campo, insumos e materiais utilizados na prática da apicultura, além do apoio e incentivo à comercialização dos produtos oriundos da atividade. 

Aumento da produção em 2021 - Os resultados do Colmeias indicam que a adesão a apicultura local tem aumentado gradualmente, levando a um crescimento na quantidade de mel produzido de 9kg para 18kg/caixa, bem como no número de beneficiados. Com isso, a atividade apícola tem desempenhado um papel importante na geração de renda de 171 famílias que atualmente integram o programa, que impactam positivamente mais 800 pessoas na região. 

Outro destaque, é que o aprimoramento da gestão das bases apícolas e apiárias, garantiu que nesse ano fossem disponibilizados 60 pontos de apiários em extensões de reserva legal da Suzano. Os produtores realizaram integração de segurança, passo fundamental para acessar as áreas da empresa. No Maranhão o Colmeias passou a contar ainda, com mais quarenta novos apicultores, no município de Açailândia. 

Para André Becher, Coordenador de Desenvolvimento Social da Suzano, a apicultura na região tem muito potencial de crescimento. “Por meio do programa Colmeias, a companhia tem criado oportunidades de geração de renda para as famílias dos beneficiados, fortalecendo a economia local e contribuindo para a produção de mel de alta qualidade de forma sustentável”, destaca. 

Benefícios do mel e da própolis - Com a pandemia da Covid-19, houve um aumento na busca por produtos que fortalecessem a imunidade, um dos principais motivos que levaram a elevação das vendas do mel. Além disso, as abelhas são uma componente chave para a diversidade das plantas, produzindo também a própolis a partir da seiva das árvores. 

Mel e suas possibilidades Produzido por meio de uma batedeira e técnicas específicas de preparo, o mel possui uma textura mais densa e cremosa. O produto se destaca pela sua diversidade de sabores, além do natural, há ainda opções com gengibre, chocolate e café. O mel cremoso mantém propriedades benéficas para o organismo, similar ao que o mel in natura oferece. 


Sobre a Suzano 

Suzano é referência global no desenvolvimento de soluções sustentáveis e inovadoras, de origem renovável, e tem como propósito renovar a vida a partir da árvore. Maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo e uma das maiores produtoras de papéis da América Latina, atende mais de 2 bilhões de pessoas a partir de 11 fábricas em operação no Brasil, além da joint operation Veracel. Com 97 anos de história e uma capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano, exporta para mais de 100 países. Tem sua atuação pautada na Inovabilidade – Inovação a serviço da Sustentabilidade – e nos mais elevados níveis de práticas socioambientais e de Governança Corporativa, com ações negociadas nas bolsas do Brasil e dos Estados Unidos. Para mais informações, acesse: www.suzano.com.br