E-mail

redacao@correioma.com.br

WhatsApp

99 98190-5359

Janeiro Branco - Assembleia
Radio Timbira
LUTAS

Ítalo Mazilli defende o Maranhão no Brasileiro de Judô, em São Luís

Competição acontece no sábado e domingo, 13 e 14, respectivamente, no Ginásio Costa Rodrigues e conta com 7 estados

12/04/2019 09h10Atualizado há 10 meses
Por: Redação
Fonte: GE Maranhão
247
 (Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

O Campeonato Brasileiro de Judô Região I será disputado em São Luís neste fim de semana no Ginásio Costa Rodrigues, no Centro de São Luís. São 480 atletas representando os estados do Maranhão, Amapá, Piauí, Pará, Amazonas e Roraima. A pesagem acontece no Rio Poty Hotel. O evento no Costa Rodrigues começa às 8h deste sábado (13).

As categorias em disputa são sub-13, sub-15, sub-18, sub-21 e sênior (acima de 21 anos). A competição é realizada pela Confederação Brasileira de Judô (CBJ), em parceria com a Federação Maranhense de Judô (FMJ).

A disputa conta pontos para o ranking nacional e classifica para a próxima fase nacional, que deve ser em junho na Bahia. – “Estou ansioso para a competição, pois vamos estar defendendo nosso estado em casa e temos essa responsabilidade de representar bem o Maranhão, além de garantir pontos para o ranking nacional sênior. Espero uma competição forte e de grandes disputas entre os estados da região I” – disse Ítalo Mazzilli, judoca maranhense aqui de Imperatriz, 3º lugar no Panamericano Open Santiago, no Chile.

O presidente da Federação Maranhense de Judô, Rodolfo Leite, acredita que os atletas do Maranhão farão belo papel na competição. – “Não tenho dúvidas que o Maranhão irá brigar por medalhas em todas as categorias e pelo título de campeão na região. Dispomos de excelentes atletas e estamos muito satisfeitos pela oportunidade que nos foi dada em realizar mais uma vez o Campeonato em nosso estado” – disse Rodolfo.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários