E-mail

redacao@correioma.com.br

WhatsApp

99 98190-5359

Radio Timbira
Fevereiro Laranja
PROGRAMAÇÃO

Pôr do sol cultural: 1ª edição itinerante ocorrerá na Vila Cafeteira

O evento acontecerá no dia 04 de Maio na praça do bairro e contará com apresentações de música, dança e teatro

23/04/2019 14h24Atualizado há 10 meses
Por: Redação
Fonte: Hyana Reis
338
 (Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

O projeto Pôr do Sol Cultural realiza no próximo mês sua primeira edição itinerante. O evento, que une música, dança, teatro e poesia, vai iniciar a série de programação pela Vila Cafeteira, no dia 04 de maio, a partir das 17h, reunindo artistas locais em apresentações na praça principal do bairro.

Esta será a 9ª edição do Por do Sol Cultural, que já realizou programações em locais como Praia do Cacau e Beira-Rio, como forma de valorizar a arte alternativa. Para o evento na Vila Cafeteira, a organização já anunciou diversas atrações em gêneros diversos de arte e música.

Entre as presenças confirmadas para a edição itinerante estão: Dj Wesley Matos, a dupla sertaneja Beto & Lucas, MC Mensageiro, o grupo de Rap Depoimento Pessoal, o cantor de reggae Everton Sefh, o cantor de pop rock Rony Kelyton, bada D’Rock, o grupo de K-Pop The Monsters, o grupo de teatro Projeto Ato 1 e o grupo de funk Baile do Coringa. Até o dia do evento mais atrações devem ser anunciadas.

O projeto

A imagem pode conter: 1 pessoa, no palco e atividades ao ar livre
Pôr do Sol Cultura se propõe a levar a arte e cultura para diversos públicos. (Foto: Divulgação)

O projeto Pôr do Sol Cultural foi concebido pelo Instituto Francisco Aldebaran de Cultura e Promoção Social com o objetivo de promover eventos que estimulem a diversidade a Arte Alternativa em Imperatriz, com valorização dos artistas autorais, por meio de apresentações e manifestações culturais.

"O Pôr do sol Cultural começou ali na Beira Rio, ao lado da Academia de Saúde. O evento nasceu através da necessidade que os artistas locais tinham em mostrar seu trabalho, então Francisco Aldebaran, escritor e servidor da Justiça, idealizou o projeto com o apoio dos artistas locais", conta Einstein Shatryany, diretor executivo do projeto.

Com o crescimento do projeto e do número de atrações, o Pôr do Sol Cultural, atualmente, se propõe a "levar a arte e cultura para todas as idades e sexualidades, e fazer de Imperatriz o maior polo cultural do país", de acordo com o diretor.