Dólar comercial R$ 4,88 0%
Euro R$ 5,15 0%
Peso Argentino R$ 0,04 -0.011%
Bitcoin R$ 151.901,97 +0.334%
Bovespa 108.487,88 pontos +1.39%
Corpo e Saúde

Efeito Sanfona

14/03/2019 16h37
144
Por:
Internet (Foto: Reprodução)
Internet (Foto: Reprodução)

Se você já esteve em processo de emagrecimento ou ainda está, provavelmente, já passou por aquele período em que você emagrece bastante e depois torna a ganhar peso novamente, popularmente chamamos isso de “efeito sanfona”. 

De acordo com o Nutricionista esportivo Carlson Silva, o efeito sanfona nada mais é do que seu corpo entrando em um estado de defesa devido à restrição calórica severa na dieta, fazendo que seu cérebro interpréte isso como uma ameaça, desacelerando seu metabolismo e armazenando mais gordura como reserva de energia.

De fato, emagrecer ou engordar não acontece do dia pra noite, são necessários meses ou até anos para os maus hábitos te cobrem essa conta. Mas o fato de ficar subindo e descendo na balança é um tanto quanto perigoso. Além de bagunçar todo o seu guarda-roupa e mudar sua silhueta, esse efeito pode causar danos ao seu fígado, responsável por produzir e armazenar boa parte da gordura corporal e também doenças do coração, como aumento do colesterol e até diabetes. Além é claro de trazer malefícios a derme (pele), que sofre com elasticidade demais.

O público feminino pode até ser uma grande maioria quando o assunto é aqueles “quilinhos” a mais, e no geral elas tendem a acumular mais gordura no bumbum, coxas e abdômen, e isso é o que mais desanima uma mulher em processo de emagrecimento, o famoso perder tudo. Mas isso dá gancho para outro assunto que ainda é confundido por muitas pessoas, o certo é emagrecer ou perder peso? 

O que denominamos emagrecimento é eliminar peso com qualidade, diminuindo a massa gorda e aumentando a massa magra, tarefa nada fácil para as mulheres devido principalmente à quantidade de hormônios como a testosterona, responsável pelo aumento do volume muscular. 

Já a perda de peso geralmente acontece de maneira rápida e demasiada, com aquelas dietas famosas, que na maioria das vezes só conseguem te adoecer ainda mais, eliminar gordura e junto com ela perder massa magra, o que não é nada interessante. Muitas pessoas ainda costumam diminuir a ingestão calórica e realizar mais atividades aeróbias, muitas vezes sem nenhuma prescrição ou acompanhamento e acabam usando como fonte de energia as proteínas e perdendo massa magra, o que também não é o ideal. A figura de um profissional de nutrição se faz muito necessária nessas horas. 

Existem algumas maneiras de combater esse efeito. O primeiro de todos é, além de passar a ter bons hábitos alimentares e de exercício físico, mantê-los por toda a vida, e se seu caso for de compulsão alimentar, o que é muito comum em quem passa por essa situação, o ideal é procurar um médico o quanto antes. 
Esqueça as dietas milagrosas e entenda que você não precisa ser escravo do fitness e sim se sentir bem consigo e ter uma boa saúde e, consequentemente, uma boa qualidade de vida.