E-mail

redacao@correioma.com.br

WhatsApp

99 98190-5359

Radio Timbira
Setembro Amarelo
Sonar

Senador Weverton confirma que o PDT marchará com Marco Aurélio em 2020

Na agenda de hoje, o Sen. Weverton criticou Roberto Rocha, falou sobre a vaga de vice e declarou os rumos do PDT na cidade

Sonar

SonarCarlos Leen apresenta um jornalismo político direto dos bastidores, sempre de maneira critica e transparente

14/08/2020 13h55Atualizado há 1 mês
Por: Carlos Leen
160
Senador Weverton (PDT) concede entrevista na TV Difusora
Senador Weverton (PDT) concede entrevista na TV Difusora

Em uma entrevista ao jornalista Josafá Ramalho da TV Difusora, o Senador Weverton declarou que não haverá outro caminho para o PDT de Imperatriz a não ser caminhar junto com o pré-candidato a prefeito, o Dep. Marco Aurélio (PCdoB).

Weverton é a maior liderança dos trabalhistas no Maranhão e é franco candidato ao governo do Estado, portanto, supõe-se naturalmente que cada movimento feito a partir de agora, busque pavimentar essa realidade em 2022. E 2020 perpassa esse caminho. Lógico que ainda há uma grande estrada a percorrer.

Agenda

Agora pela manhã o Senador Weverton esteve em comitiva acompanhando o secretário Clayton Noleto e as ações do Programa Mais Asfalto em Imperatriz. Eles estiveram no Bairro Santa Rita e também na Vila Nova para vistoriarem as instalações da nova Casa da Mulher Maranhense, um importante equipamento público que servirá para dar suporte as mulheres em situação de vulnerabilidade social.

Críticas a Roberto Rocha

Weverton aproveitou a entrevista para dar uma alfinetada no também senador Roberto Rocha (PSDB), ambos não são parentes - a quem chamou de “traidor”. Roberto só foi eleito em 2014 graças ao grupo do atual governador Flávio Dino, mas na primeira oportunidade resolveu abandonar o navio e singrar sozinho pelo mares eleitorais. Acabou com pífia votação de 2 % das intenções de votos e a quase certeza de que dificilmente volta ao senado em 2022.

A vaga de Vice

Weverton destacou também que dificilmente o PDT de Imperatriz irá exigir condições fora da realidade para estarem juntos com o PCdoB de Marco Aurélio. Isso significa na prática que não haverá imposições para a escolha da vaga de vice prefeito na chapa. “Nós não vamos discutir vaga de vice, nós vamos discutir a vaga de prefeito pois o Dep. Marco Aurélio não é mais candidato só do PCdoB, mas do PDT também”, afirmou Weverton.

Banho de água fria

As declarações do Senador Weverton são uma verdadeira ducha de água fria nas intenções de alguns setores políticos na cidade que ecoavam nos bastidores o desejo de ter o PDT caminhando com outra candidatura em 2020. E findando os prazos eleitorais não existe possibilidade alguma de mudar de sigla agora. Resta realizar as convenções e dar prosseguimento ao calendário eleitoral.

Publicidade:

 

Clique aqui e ouça Rádio Timbira