Saúde SAÚDE

No Dia Mundial de Combate ao Câncer, médicos de Imperatriz alertam para cuidados preventivos

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer, os tipos de câncer que mais atacam os brasileiros são: câncer de pele, câncer de próstata e câncer de mama

08/04/2021 09h54
53
Por: Hyana Reis Fonte: Assessoria
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Celebrado anualmente no dia 8 de Abril, o Dia Mundial de Combate ao Câncer tem o intuito de conscientizar a população sobre os cuidados de prevenção da segunda doença que mais mata pessoas em todo o mundo. E para prevenção, os médicos oncologista da Rede Oncoradium ressaltam alguns cuidados com a saúde para evitar os diversos tipos de cânceres.

“A prática de atividades físicas regulares, como 30 minutos por dia cinco dias da semana, uma alimentação saudável rica em fibras, legumes, cereais integrais, parar de beber, parar de fumar e tomar as vacinas. Então, no geral, é adquirir hábitos mais saudáveis”, destaca a oncologista clínica, Camila de Oliveira Sá. 

Ainda segundo a oncologista, além da mudança no estilo de vida e de alimentação é necessário consultas regulares com médicos para exames de prevenção e de rastreio para diagnósticos precoces. “Assim a gente vai poder evitar e, quando identificar, identificar precocemente para fazermos um tratamento curativo”, afirma a médica.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), os tipos de câncer que mais atacam os brasileiros são: câncer de pele, câncer de próstata, câncer de mama e câncer de cólon e reto. A Organização Pan-Americana da Saúde estima que nas Américas 4 milhões de pessoas foram diagnosticadas com câncer recentemente e 1,4 milhões morreram da doença em 2020. Aproximadamente, 57% dos novos casos de câncer e 47% das mortes por câncer ocorreram em pessoas com 69 anos de idade ou menos.

Ainda segundo a organização, mundialmente, houve cerca de 20 milhões de novos casos de câncer e 10 milhões de mortes por câncer. Com relação aos tipos de câncer que mais mata os homens são: pulmão (18%), próstata (11,1%) e colorretal (9,4%). Os cânceres que mais causam mortes entre as mulheres são: mama (13,2%), pulmão (12,3%) e colorretal (7%).

Profissionais da Rede Oncoradium alertam para os fatores de risco que podem aumentar a incidência de câncer, como: uso do cigarro e do álcool, o baixo consumo de frutas e vegetais e a falta de atividade física.